Sindicato Nacional dos Aeroviários pressiona e GOL libera máscara e luvas para trabalhadores

Patrícia Gomes, diretora do SNA responsável pela coordenação da Região Sul, conta que o comunicado da empresa é mais uma vitória da direção sindical

Por: Claudia Fonseca/Agência Amora
Publicação: 25/03/2020
Imagem de Sindicato Nacional dos Aeroviários pressiona e GOL libera máscara e luvas para trabalhadores

Patrícia Gomes, diretora do SNA responsável pela coordenação da Região Sul,


Após muita insistência da direção do SNA (Sindicato Nacional dos Aeroviários), a empresa Gol Linhas Aéreas divulgou comunicado interno em que autoriza o uso de máscaras e luvas nos aeroportos durante atendimento realizado pelos funcionários, se assim desejarem. A mensagem foi transmitida em 23 de março.

Apesar de infectologistas afirmarem que o uso de máscara é indicado para possíveis portadores do novo coronavírus, a direção do SNA entende que, caso profissionais se sintam mais à vontade com a utilização deste EPI (Equipamento de Proteção Individual), eles têm o direito à utilização.

Patrícia Gomes, diretora do SNA responsável pela coordenação da Região Sul, conta que o comunicado da Gol que autoriza uso de máscaras e luvas nos aeroportos é mais uma vitória da direção sindical, que emprega todos os esforços na manutenção da saúde da categoria.

“Em tempos de grande comoção, em que todos estamos sensibilizados com a situação atual, o emocional dos aeroviários e aeroviárias deve ser preservado ao máximo. Sabemos que a máscara não garante 100% de proteção, pois o COVID-19 também pode ser transmitido pelos olhos. Mas fazemos o possível para diminuir nossa exposição”, declara Patrícia Gomes.

Uso de máscaras e luvas nos aeroportos deveria ser obrigatório

A direção do SNA entende que não adianta apenas alguns profissionais se protegerem. Os que mantiverem a exposição podem sofrer contágio e transmitir o novo coronavírus não apenas para colegas de trabalho, como também para o público usuário.

Dirigentes sindicais também orientam que esses EPIs, incluindo álcool em gel, sejam distribuídos à categoria pelos empregadores, já que não cabe aos funcionários arcar com o custo do material utilizado durante o horário de trabalho.

Transportando CNTTL-CUT
Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação

Editora:Viviane Barbosa MTB - 28121 
Redatora: Vanessa Barboza MTB-74572
Assessoria de Comunicação: Mídia Consulte 
Redação: Imprensa /CNTTL :: Transportando o Brasil 
Siga-nos: http://www.twitter.com/cnttcut
Flickr: http://www.flickr.com/photos/cnttcut/

Mídia

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email:

Filiados