SP: Aeroviários e Aeronautas realizam segunda rodada de negociação da Campanha Salarial com as empresas

Próxima rodada está prevista para 5 de novembro

Por: Vanessa Barboza, Redação CNTTL com informações da Agência Amora
Publicação: 25/10/2019
Imagem de SP: Aeroviários e Aeronautas realizam segunda rodada de negociação da Campanha Salarial com as empresas

SNA

Dirigentes dos Sindicatos dos Aeroviários e Aeronautas da base da Federação Nacional dos Trabalhadores em Transportes (FENTAC) participaram na terça-feira (22), da segunda rodada de negociação Campanha Salarial 2019/2020 das categorias com o Sindicato Nacional das Empresas Aéreas (SNEA) e a Latam, em São Paulo. 

Após a reforma trabalhista, garantir a manutenção de todas as cláusulas da CCT (Convenção Coletiva de Trabalho) se tornou um grande desafio para os sindicatos. Ainda assim, durante as negociações, representantes sindicais buscam não só manter todos os direitos como incluir novas cláusulas sociais, além de conquistar aumento real nos salários e demais cláusulas econômicas.  com total apoio da categoria.

Nesta rodada ainda não foi discutido aumento nos salários e demais cláusulas econômicas. A expectativa para o próximo encontro, agendado para 5 de novembro, é de que as empresas apresentem uma contraproposta à reivindicação dos sindicatos, além de suas sugestões de atualização da CCT. Com os dados em mãos, Sindicatos vão acionar as categorias de aeroviários e aeronautas para apresentar as pautas em assembleias.

Principais reivindicações 

Aeroviários 

  • Reajuste salarial: INPC (Índice Nacional de Preço do Consumidor) do período, mais 2% de ganho real;
  • Aumento de 6% nas demais cláusulas econômicas;
  • Mudança na redação da CCT (Convenção Coletiva de Trabalho) no item de horas extras, com a retirada de ambiguidade no texto que fala sobre compensação;
  • Inclusão de responsabilização da empresa por itens obrigatórios da apresentação pessoal, como é o caso do kit maquiagem. A exigência da companhia faz parte do uniforme e Sindicatos acreditam que empregadores devem arcar com esse custo;
  • Folga agrupada mensal;
  • Acomodação individual para cursos oferecidos pela empresa;
  • Esclarecimento do sentido de força maior na mudança de escalas.

Aeronautas

Entre os itens econômicos, os tripulantes deliberaram por pedir reajuste baseado no INPC acrescido de 2% a título de ganho real nas cláusulas econômicas, incluindo salários, pisos, diárias de alimentação (exceto as internacionais, em que foi requerido um reajuste maior), seguro de vida e vale alimentação sem teto.

Nas cláusulas sociais, foram aprovados pedidos de melhoria em cláusulas que tratam das madrugadas e limites de operação, do tempo em solo entre etapas de voo, período oposto e base contratual, entre outras.

Passe Livre: direito de uso durante as férias e que o SNA faça o gerenciamento do sistema.
 

Próximas rodadas

As próximas rodadas com o SNEA e a Latam estão previstas para os  5/11 e 12/11, em São Paulo, mas em horários diferentes.  

Participam da negociação os Sindicatos dos Aeroviários de Guarulhos, Porto Alegre, Nacional e o Sindicato Nacional dos Aeronautas.  A data-base das categorias é 1º de dezembro.

 


Redação CNTTL

Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação &Marketing 

Editora e Assessora de Imprensa:Viviane Barbosa MTB - 28121 
E-mail: jornalismo@midiaconsulte.com.br



Siga a CNTTL nas redes sociais:
www.facebook.com/cnttloficial
www.twitter.com/cnttloficial
www.youtube.com/cnttl
 

Mídia

Filiados

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: