Sorocaba: Cassação de Crespo marca fim da era de um perseguidor de trabalhador

Vereadores de Sorocaba cassaram por 16 votos a 4 o mandato do prefeito da cidade em sessão extraordinária iniciada na quinta-feira, 1º de agosto

Por: Fabiana Caramez, Rodoviários de Sorocaba
Publicação: 07/08/2019
Imagem de Sorocaba: Cassação de Crespo marca fim da era de um perseguidor de trabalhador

População manifesta pedindo a cassação do prefeito Crespo - Fabiana Caramez

A cassação do prefeito de Sorocaba José Crespo (DEM) marcou o fim da era política de um perseguidor de trabalhador em transportes. Crespo foi o responsável por demitir mais de dois mil cobradores na década de 1990 e extinguir essa função dentro do sistema de transporte público urbano em Sorocaba. Desde essa época, vários embates ocorrem entre a categoria e o político que tem prática de “pedir cabeça de trabalhador”. Em 2017, no primeiro ano do mandato de Crespo como prefeito de Sorocaba, os trabalhadores em transportes realizaram a maior greve da história no transporte urbano do Brasil, foram 25 dias de paralisação em defesa dos empregos, direitos e de aumento salarial decente e uma vitória avassaladora sobre o então prefeito. Nesse período, Crespo foi cassado pela primeira vez, mas retomou o mandato por ordem judicial.

A cassação de Crespo, a segunda neste que é o primeiro mandato do político como prefeito, aconteceu na madrugada desta sexta-feira, 2 de agosto, na Câmara de Vereadores de Sorocaba. Por 16 votos a 4, os vereadores entenderam que Crespo é culpado de crime político-administrativo por manter falsos voluntários na Prefeitura.

A sessão extraordinária que cassou Crespo teve início às 13h15min da quinta-feira, 1º de agosto, e só terminou na madrugada desta sexta-feira, 2. Foram mais de 13 horas de sessão, que foi acompanhada por um grande número de trabalhadores em transportes, servidores públicos e população em geral. O plenário lotado da Câmara e as manifestações nas redes sociais contra o prefeito, foram essenciais para a cassação.

“Para nós do transporte, a cassação de Crespo foi uma grande vitória. Desde sempre ele persegue os trabalhadores e tenta implantar uma política para o sistema de transporte público que não melhora as condições de trabalho e não preserva empregos. Tenho certeza que, junto com os trabalhadores em transportes, a maioria dos sorocabanos está comemorando essa cassação”, avalia o presidente do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região Paulo João Estausia.

ENTENDA O PROCESSO

O pedido de cassação do mandato de Crespo foi feito pela Comissão Processante aberta para apreciar o resultado das apurações levantadas pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Falso Voluntariado, que investigou as denúncias de que a ex-assessora de Crespo Tatiane Polis, pivô da primeira cassação do prefeito por apresentar diploma falso para ocupar cargo na Prefeitura, estava novamente trabalhando no Poder Público municipal, agora como “voluntária”, mas com recebimento de salário por fora dos meios legais.

Além do falso voluntariado, a CPI levantou outras irregularidades cometidas pelo prefeito: contratação de grupo  (chamado GEDAI) para atacar parlamentares pela internet e defender o governo e prefeito, prejuízo ao erário (uso de dinheiro público) com mecanismo de taxa de retorno para remunerar a falsa voluntária Tatiane Polis e ampliar o caixa para bancar outros serviços, desvio de finalidade de contrato público para autopromoção eleitoral para o prefeito, coerção e intimidação de funcionários públicos, e prática de ato de improbidade administrativa.

POLÍCIA

Além do caso do falso voluntariado, que provocou a abertura de inquérito no Ministério Público e da CPI que levou à cassação do prefeito, a administração de Crespo está sob investigação da Polícia Civil, que deflagrou a Operação Casa de Papel, em 8 de abril, para investigar desvio de dinheiro público, fraudes em licitações e corrupção de agentes públicos na Prefeitura de Sorocaba, incluindo três secretários.

Como desdobramento, até o momento, é sabido que o então secretário de Comunicação Eloy de Oliveira, após saber que seria afastado do governo pelo prefeito, passou a colaborar com a Polícia Civil, denunciando a atuação de Tatiane Polis na Prefeitura. Foi Eloy que afirmou em depoimento à polícia que Tatiane Polis exercia cargo de comando na Prefeitura e que Crespo acertou um salário de R$ 11 mil para ela “trabalhar como voluntária”.

No final de julho, a Polícia Civil indiciou o então prefeito José Crespo por responsabilidade de prefeito e uso de função púbica na investigação do voluntariado da ex-assessora Tatiane Polis na Prefeitura.

VICE-PREFEITA ASSUME

Com a cassação do prefeito Crespo, a vice Jaqueline Coutinho (PTB) tomou posse como a nova prefeita de Sorocaba já na madrugada desta sexta-feira, 2 de agosto, na Câmara Municipal de Sorocaba.

 

Veja como votou cada vereador:
·         Anselmo Rolim Neto (PSDB) - Sim

·         Cíntia de Almeida (MDB) - Não

·         Hélio Mauro Silva Brasileiro (MDB) - Sim

·         José Francisco Martinez (PSDB) - Sim

·         Francisco França da Silva (PT) - Sim

·         Fausto Salvador Peres (Podemos) - Sim

·         Fernanda Schlic Garcia (PSOL) - Sim

·         Fernando Alves Lisboa Dini (MDB) - Sim

·         Hudson Pessini (MDB) - Sim

·         Iara Bernardi (PT) - Sim

·         João Donizeti Silvestre (PSDB) - Sim

·         José Apolo da Silva (PSB) - Não

·         Péricles Régis Mendonça de Lima (MDB) - Sim

·         Irineu Donizeti de Toledo (PRB) - Não

·         Luis Santos Pereira Filho (Pros) - Não

·         Renan dos Santos (PCdoB) - Sim

·         Rodrigo Maganhato (DEM) - Sim

·         Antonio Carlos Silvano Júnior (PV) - Sim

·         Vitor Alexandre Rodrigues (MDB) - Sim

·         Wanderley Diogo de Melo (PRP) - Sim



 

Transportando CNTTL-CUT
Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação

Editora:Viviane Barbosa MTB - 28121 
Redatora: Vanessa Barboza MTB-74572
Assessoria de Comunicação: Mídia Consulte 
Redação: Imprensa /CNTTL :: Transportando o Brasil 
Siga-nos: http://www.twitter.com/cnttcut
Flickr: http://www.flickr.com/photos/cnttcut/

Mídia

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email:

Filiados