Guarulhos: Após paralisação, motoristas e cobradores conquistam reajuste salarial de 5,07% e garantia de todos os direitos

O presidente do Sincoverg, Maurício Brinquinho, disse que essa vitória só foi possível graças à comprovação de todos os dados que os empresários apresentaram, provando o bom trabalho que a Direção realiza junto com a sua militância e categoria

Por: Viviane Barbosa, da Redação CNTTL
Publicação: 10/05/2019
Imagem de Guarulhos: Após paralisação, motoristas e cobradores conquistam reajuste salarial de 5,07% e garantia de todos os direitos

Assembleia dos motoristas e cobradores de Guarulhos após a greve- Foto: Sindicato

Chegou ao fim mais uma Campanha Salarial dos condutores e cobradores da cidade de Guarulhos e Arujá, localizada na região metropolitana de São Paulo, e o resultado da luta foi vitorioso. 

Após a paralisação de 100% dos trabalhadores e trabalhadoras no transporte público coletivo ocorrida na sexta-feira (10), o Sincoverg (Sindicato da categoria) e a Guaruset (Sindicato Patronal) realizaram mediação da greve no Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo (TRT-SP). 

O desembargador vice-presidente judicial, Rafael E. Pugliese Ribeiro, mediou o impasse e determinou que as empresas de transportes concedam o reajuste salarial linear de 5,07%, mantenham todas as cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), bem como, a Participação nos Lucros e Resultados (PLR) no valor de R$ 1.300,00.

Também ficou acordado que as empresas não efetuarão nenhum  desconto ao trabalhador e trabalhadora que aderiu à paralisação. 

"Todos acompanharam as dificuldades durante as rodadas de negociação, os empresários queriam, a qualquer custo, implantar Banco de Horas, aplicar 4% de reajuste linear e acabar com a nossa PLR. Essa vitória só foi possível graças à comprovação de todos os dados que os empresários apresentaram, provando o bom trabalho que essa direção realiza junto com a sua militância e categoria", explica o presidente do Sincoverg, Maurício Brinquinho.

O TRT-SP também determinou que a Guaruset cumpra a cláusula da CCT que garante a contratação de 15% de mulheres em todas as funções, assegurando a geração de mais empregos.

Multa 
O Tribunal também aplicou multa ao Sindicato dos Condutores no valor de R$ 100.000,00 por ter desacatado a ordem judicial que determinava a manutenção de 70% da frota em horário de pico e 50% no horário de entrepico e realizado a greve.

"A multa é por conta de termos um Sindicato combativo, uma categoria unida. É o preço que arcaremos com a luta pela garantia dos nossos direitos, como o ticket nas férias, a cesta básica gratuita, nosso horário de almoço remunerado e a PLR. Parabéns trabalhadoras e trabalhadores. A vitória é de vocês, a vitória é da militância, a vitória é do Sincoverg!", finaliza Brinquinho.
 

A data-base da categoria é 1º de maio e cerca de 12 mil motoristas e cobradores estão na base do Sincoverg.


Dados 

O principal meio de transporte dos guarulhenses é o ônibus. A cidade de Guarulhos, na região metropolitana, tem uma população de mais de 1 milhão de habitantes, o número preciso são 1.349.113 de pessoas (estimativa de 2017), de acordo com os dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).  Atualmente a cidade conta com 112 linhas com uma frota de 894 veículos somente no transporte municipal. De acordo com dados da Secretaria de Transportes e Trânsito (STT), diariamente 11.457.516 de passageiros são transportados.

A demanda de passageiros transportados nas linhas de ônibus municipais em 2016 foram de 43.259.196 de passageiros na Viação Vila Galvão, 34.903.705 passageiros na Viação Urbana Guarulhos e 33.995.673 passageiros na Viação Campos dos Ouros. Nos permissionários alimentadores foram 39.794.881 passageiros, na rede noturno foram 89.976 passageiros e nos seletivos foram 710.478 passageiros, de acordo com os dados coletados do Portal Mobilidade sobre a Lei de Acesso à Informação.

Desde 2011 foi implantado na cidade o sistema de Bilhete Único. O conceito adotado é o da integração temporal, permitindo que o usuário faça integrações durante o período de duas horas, pagando uma só tarifa. No período de 10 anos – entre 2004 e 2014 – o número de passageiros no transporte público de Guarulhos passou de 5,1 milhões de usuários por mês para 14,1 milhões de pessoas.




Audiência no TRT-SP - Sincoverg e Guaruset - foto: Sindicato 

Transportando CNTTL-CUT
Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação

Editora:Viviane Barbosa MTB - 28121 
Redatora: Vanessa Barboza MTB-74572
Assessoria de Comunicação: Mídia Consulte 
Redação: Imprensa /CNTTL :: Transportando o Brasil 
Siga-nos: http://www.twitter.com/cnttcut
Flickr: http://www.flickr.com/photos/cnttcut/

Mídia

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: