Brasília: Rodoviários na Cootarde seguem firmes na greve

Segundo o Sindicato, empresa se recusa a dialogar com a categoria

Por: Redação CNTTL com CUT/DF
Publicação: 10/02/2017
Imagem de Brasília: Rodoviários na Cootarde seguem firmes na greve

Luta dos companheiros (Foto: Sindicato)

Os rodoviários na Cootarde, em Brasília, completaram 24 dias em greve. Os trabalhadores estão sem receber salários e benefícios e cobram os pagamentos atrasados e outros direitos negligenciados.

Segundo o Sindicato dos Rodoviários do DF (Sinttrater), além de serem passados para trás pelos patrões, os empregados da cooperativa ainda precisam lidar com a injustiça. Os quatro rodoviários detidos enquanto defendiam um companheiro de apanhar do dono de um dos ônibus durante uma manifestação, continuam presos. Enquanto que o agressor, identificado como José Ricardo Ferreira, sequer foi autuado.

"É inaceitável que a mídia e a polícia continuem acusando os trabalhadores pelo que aconteceu. “Nosso departamento jurídico está trabalhando para que eles sejam liberados o mais rápido possível. Enquanto isso, os verdadeiros culpados estão soltos por aí”, lamentou o dirigente do Sindicato, Diógenes Nery.

E para piorar a situação, a empresa prefere ir para dissídio coletivo a ter que pagar os funcionários. Uma reunião entre a Secretaria de Mobilidade do DF e a empresa, prevista para a última quarta-feira (8), foi desmarcada. "A Cootarde se recusa a dialogar", finaliza.

 


Redação CNTTL

Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação &Marketing 

Editora e Assessora de Imprensa:Viviane Barbosa MTB - 28121 
E-mail: jornalismo@midiaconsulte.com.br



Siga a CNTTL nas redes sociais:
www.facebook.com/cnttloficial
www.twitter.com/cnttloficial
www.youtube.com/cnttl
 

Mídia

Filiados

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: