Santos: Portuários entregam pauta de reivindicações ao novo ministro dos Portos

Encontro aconteceu na última quinta (22), na sede da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp)

Por: Redação CNTTL com Sindaport
Publicação: 01/07/2016
Imagem de Santos: Portuários entregam pauta de reivindicações ao novo ministro dos Portos

Foto: Sindaport

O presidente do Sindicato dos Empregados na Administração Portuária (Sindaport), Everandy Cirino dos Santos e representantes dos trabalhadores se reuniram com o novo ministro da Secretaria de Portos (SEP), Helder Barbalho na quinta-feira (22), na sede da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp).

Na ocasião, foram feitas reinvidicações os seguintes pontos: a destinação de um Plano de Desligamento Voluntário (PDV), a aplicabilidade das promoções previstas no novo Plano de Empregos, Cargos e Salários (PCES) em vigor desde 2013, seguida da complementação de aposentadoria com base no mesmo plano, e uma solução definitiva para a caótica e agonizante situação financeira do Instituto de Seguridade Social – Portus.

Participaram do encontro, o vice-presidente João de Andrade Marques e o primeiro secretário, Edilson de Paula Machado. O presidente da Associação dos Participantes do Portus – Santos, Odair Augusto de Oliveira, também marcou presença.

Portus

Sob intervenção federal desde agosto de 2011, o Portus se transformou numa verdadeira dor de cabeça aos seus contribuintes ativos, pensionistas e aposentados. Preocupado com a situação, Everandy Cirino requereu o auxílio do ministro. “Já que ele está chegando agora, levei ao seu conhecimento um problema que vem se arrastando há anos, pelo qual já foram publicados cerca de 15 atos de intervenção sem que haja uma solução definitiva para a dívida, que aliás foi alimentada pelo próprio Governo ao se tornar inadimplente com as companhias docas estatais”, ressaltou.

Sobre o polêmico tema, o dirigente lembrou que do montante aprovado pelo Congresso Nacional visando a amortização do passivo financeiro da instituição, de R$ 330 milhões, o Portus recebeu apenas R$ 107 milhões.

Reunião

O dirigente também solicitou uma reunião para discutir todos os temas da pauta de reivindicações. “São assuntos de extrema importância e entendo que devam ser tratados conjuntamente pelos líderes dos sindicatos representativos das sete estatais portuárias, e pelo presidente da Federação Nacional dos Portuários (FNP) e vice-presidente da CNTTL, Eduardo Guterra”, finaliza Cirino.

 


Redação CNTTL

Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação &Marketing 

Editora e Assessora de Imprensa:Viviane Barbosa MTB - 28121 
E-mail: jornalismo@midiaconsulte.com.br



Siga a CNTTL nas redes sociais:
www.facebook.com/cnttloficial
www.twitter.com/cnttloficial
www.youtube.com/cnttl
 

Mídia

Filiados

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: