#LulaValeaLula: Mobilizações em solidariedade a Lula ocorrem em várias capitais brasileiras

São Paulo, Rio de Janeiro, Recife, Porto Alegre, João Pessoa, Maceió, Belém, entre outros

Por: Brasil de Fato
Publicação: 04/03/2016
Imagem de #LulaValeaLula: Mobilizações em solidariedade a Lula ocorrem em várias capitais brasileiras

divulgação

Advogados e militantes reunidos no diretório nacional do Partido dos Trabalhadores (PT), em São Paulo (SP), convocaram atos e plenárias em todo o país em solidariedade ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Lula foi levado coercivamente na manhã desta sexta-feira (4) de sua casa, em São Bernardo do Campo, para depor no âmbito da Operação Lava Jato. Depois de algumas horas, o ex-presidente foi liberado e se encaminhou para a sede do PT na capital paulista.

Em São Paulo, o ato deve ocorrer a partir das 18h, com concentração na quadra do Sindicato dos Bancários, na Sé.

Desde às 13h, movimentos sociais, sindicatos e militantes do PT estão em vigília na sede do partido, no Rio Vermelho, em Salvador (BA). O ato sai às 18h.

Em Fortaleza (CE), movimentos sociais realizam uma plenária, a partir das 14h, no Hotel Amuarama.

Em Vitória (ES), o ato é às 17h30, no Sindicato da Construção Civil.

Em Belo Horizonte, a partir das 15h, vigília na Assembleia Legislativa. Em todos os municípios militantes irão se reunir a frente de suas Câmaras Municipais.

Em Curitiba (PR), o ato é em frente a APP sindicato, às 19h.

Em Brasília (DF), o ato em solidariedade será na Praça dos Aposentados, no Conic, a partir das 17h.

No Rio de Janeiro (RJ), uma reunião ocorre ás 15h, no auditório do Sindicato dos Bancários.

Em Recife (PE), o ato ocorre a partir das 14h, no monumento Tortura Nunca Mais, na rua Aurora.

Em Porto Alegre (RS), a concentração ocorre a partir das 18h, na Esquina Democrática, no centro da capital gaúcha.

Em João Pessoa (PB), o ato em solidariedade deve começar às 15h.

Em Maceió (AL), uma plenária com a militância ocorre a partir das 14h, na sede do PT, na Cambona.

Na capital paraense, Belém, a militância irá se reunir em vigília na sede do Partido dos Trabalhadores, na rua Gaspar Viana.

Em Manaus (AM), a o ato começa às 15h, também na sede do partido do ex-presidente.

Desde o inicio da operação dezenas de pessoas já se manifestaram em solidariedade ao ex-presidente, tanto em frente a sua casa quanto no saguão do aeroporto de Congonhas, onde também haviam pessoas comemorando a ação da PF.

Em nota, o instituto Lula, declarou que “a violência praticada hoje contra o ex-presidente Lula e sua família, contra o Instituto Lula, a ex-deputada Clara Ant e outros cidadãos ligados ao ex-presidente, é uma agressão ao Estado de Direito que atinge toda sociedade brasileira”.

A nota também crítica a forma como a operação vem sendo conduzida, “A ação da chamada Força Tarefa da Lava Jato é arbitrária, ilegal, e injustificável, além de constituir grave afronta ao Supremo Tribunal Federal”.

Além de Lula, o presidente do Instituto Lula, Paulo Okamoto, também foi levado coercivamente a depor. Outros alvos dessa fase da Lava Jato são a mulher dele, Marisa, os filhos Marcos Cláudio, Fábio Luis e Sandro Luis, e a nora Marlene Araújo.

Na lista de alvos ainda estão os empresários Fernando Bittar e Jonas Leite Suassuna Filho. Entre as empresas, há a empreiteira OAS e a Gamecorp.

 

Transportando CNTTL-CUT
Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação

Editora:Viviane Barbosa MTB - 28121 
Redatora: Vanessa Barboza MTB-74572
Assessoria de Comunicação: Mídia Consulte 
Redação: Imprensa /CNTTL :: Transportando o Brasil 
Siga-nos: http://www.twitter.com/cnttcut
Flickr: http://www.flickr.com/photos/cnttcut/

Mídia

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: