Sorocaba: Após protesto, rodoviários do suburbano e fretamento garantem 10,53% de reajuste salarial

União da categoria foi fundamental na conquista


Publicação: 22/06/2015
Imagem de Sorocaba: Após protesto, rodoviários do suburbano e fretamento garantem 10,53% de reajuste salarial

Foto: Sindicato

Após protesto dos rodoviários do setor suburbano e fretamento, os patrões recuaram na mesa de negociação e aceitaram reajustar os salários acima da inflação e cumprir as demais reivindicações da categoria.

O reajuste de 10,53%, sendo 9% retroativo a 1º de maio, data-base da categoria, e mais 1,41% em 1º de novembro foi aprovado pelos trabalhadores e trabalhadoras que comparecem em massa nas assembleias realizadas às 9h e às 19h da sexta-feira (19), na sede do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região.

Com o aumento conquistado nesta data-base, o piso salarial do motorista no setor de fretamento e na maioria das empresas do transporte suburbano - existem diferenças -, fica em R$ 3.057,13, retroativo maio, e vai para R$ 3.100,00 em novembro.

Durante a assembleia, o diretor financeiro do Sindicato Adalberto de Souza Carvalho, Dadá, falou das dificuldades nas negociações do setor suburbano provocadas pela mudança de agência reguladora do transporte. Por causa da criação da Região Metropolitana de Sorocaba, o transporte intermunicipal deixou de ser responsabilidade da Artesp (Agência de Transporte do Estado de São Paulo) e passou para a EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbano), com isso mudou a forma de remuneração e de operação das empresas.

No setor de fretamento, os problemas nas negociações se dão devido à diferença entre o piso salarial praticado na base do Sindicato e os pisos praticados em outras localidades, além do momento econômico não favorável ao setor industrial na região, que está reduzindo pessoal e, consequentemente, finalizando contrato com empresas de fretamento.

"Nos anos passados, os empresários dos setores de fretamento e suburbano seguiam sem grandes contestações o acordo de reajuste salarial e nos benefícios fechado no setor urbano de Sorocaba. Neste ano, a conversa foi diferente. Os empresários fincaram pé e as negociações não avançaram. Foi preciso os trabalhadores e as trabalhadoras mostrar que estavam prontos para ir à greve para os empresários recuarem", explica Adalberto de Souza Carvalho, Dadá, diretor financeiro do Sindicato.

Mais conquistas

O acordo aprovado também garante aumento no tíquete-refeição para o valor de R$ 18,00 por dia a partir deste mês - R$ 540,00 por mês -, e mais um aumento em novembro, que elevará o tíquete-refeição para R$ 19,00 - R$ 570,00 por mês; aumento na participação nos lucros e resultados (PLR) de R$1.000,00 para R$ 1.300,00; concessão de cesta de Natal; e manutenção de todas as demais cláusulas previstas nos acordos coletivos de trabalho firmados em campanhas salariais passadas, como cesta básica, plano de saúde familiar, prêmio por tempo de serviço (PTS), seguro de vida, entre outras.

O acordo aprovado é válido para os(as) trabalhadores(as) de todas as empresas de fretamento e para os(as) que operam linhas suburbanas nas empresas Vila Élvio, Auto-Ônibus São João, Rápido Luxo Campinas, Piracema, Piracicabana e Viação São Roque.

Protesto

Os(as) trabalhadores(as) em transporte suburbano chegaram a realizar um protesto nas primeiras horas da manhã da segunda-feira, 15, por causa da estagnação nas negociações da campanha salarial. No mesmo dia, Sindicato e empresas tentaram mais uma negociação, sem sucesso. A greve no setor, por tempo indeterminado, foi anunciada para terça-feira, 16. A paralisação não chegou a ocorrer porque, no final da noite da segunda-feira, as empresas entraram em contato com o Sindicato e anunciaram a concordância com o reajuste salarial e com as demais reivindicações dos(as) trabalhadores(as).

Do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba


Redação CNTTL

Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação &Marketing 

Editora e Assessora de Imprensa:Viviane Barbosa MTB - 28121 
WhatsApp Redação: (11) 96948-7446


Siga a CNTTL nas redes sociais:
www.facebook.com/cnttloficial
www.twitter.com/cnttloficial
www.youtube.com/cnttl
Modalcast https://spoti.fi/2YAFWKn #Episódio 4

Mídia

Filiados

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: