CNTTL participa de Encontro com Lula que reafirma luta contra PEC32

Para Lula, é preciso que a militância dialogue os parlamentares favoráveis à PEC 32, destacando os prejuízos que ela trará à população mais vulnerável.

Por: CUT-DF com Redação CNTTL
Publicação: 08/10/2021
Imagem de CNTTL participa de Encontro com Lula que reafirma luta contra PEC32

foto: Guterra em Encontro com Lula e sindicalistas

O presidente interino da CNTTL (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística), Eduardo Guterra, participou do Encontro do ex-presidente Lula com os sindicalistas da CUT e das entidades representativas dos servidores públicos, na quinta-feira (7), em Brasília.

Lula reuniu-se com os dirigentes que atuam em defesa do funcionalismo público para debater a defesa dos serviços públicos e das estatais brasileiras, que tem sido atacadas pelo Governo Federal. Lula manifestou apoio à luta das entidades contra PEC-32, a reforma administrativa de Bolsonaro, que se for aprovada pelo Congresso acabará com os empregos dos servidores e serviços públicos no país.

Guterra fez uma fala em defesa das empresas públicas de transportes que estão ameaçadas de privatização, entre elas a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU) e a Companhia Docas do Espirito Santo (CODESA). 

Repensar a luta

No encontro, Lula destacou a importância da mobilização que a CUT e diversas entidades têm feito contra a PEC 32 desde que a proposta foi apresentada no Congresso Nacional pelo governo Bolsonaro.

Entretanto, ele ressaltou que, embora a luta tenha sido fundamental para tardar a votação da proposta no Plenário da Câmara, é necessário repensá-la para que o projeto seja enterrado de vez.

Para Lula, é preciso que a militância dialogue os parlamentares favoráveis à PEC 32, destacando os prejuízos que ela trará à população mais vulnerável, 

"Eu acho que temos que modelar nossa briga para conquistar mais coisas. Todos os deputados têm apenas uma porta de saída para vir a Brasília, que são os aeroportos. Eles não têm medo de manifestação na Esplanada nos Ministérios. Por isso, o deputado precisa ser pressionado na rua e na cidade em que ele mora. Dessa forma, teremos mais força de pressão em cima deles", disse.

Demonização  do servidor

Outro ponto abordado por Lula em seu discurso foi a demonização do servidor público, narrativa que tem sido reforçada por Bolsonaro e sua base governista. O ex-presidente relembrou que, em 1989, quando foi candidato à presidência da República, a falácia do servidor como vilão da administração pública já era levantada por outros candidatos. Na época, coube a Lula apresentar diversos levantamentos demonstrando que não era bem assim. Outros países,  inclusive, já apresentavam maiores médias de servidor por população do que o Brasil.

PEC 32 destrói serviços públicos

No encontro, sindicalistas representantes de diversas categorias ressaltaram a importância dos serviços públicos para o país e denunciaram como a PEC 32 põe fim ao amparo do Estado à população mais vulnerável.  O deputado Rogério Correia (PT-MG), um dos parlamentares que tem sido firme na luta contra a PEC na Câmara dos Deputados, destacou que, para além da defesa do servidor público, a mobilização contra a PEC é também necessária para preservar os serviços públicos e o povo brasileiro.

"O que está proposto na PEC 32 não é uma reforma. Reforma é coisa boa. O que estão pretendendo é desmontar os serviços públicos e o último substitutivo é o pior de todos já apresentados. Por isso, é importante que ampliemos a luta e não deixemos que ele seja aprovado no Plenário", disse.

O mesmo entendimento é compartilhado pelo vice-presidente nacional da CUT, Vagner Freitas, que acredita que a questão a PEC 32 é uma questão do cidadão brasileiro. "O povo precisar saber que serviço público é direito. O Estado tem a obrigação e o servidor é instrumento para isso (prestação). Seguiremos em luta pela vida, pela cidadania e contra o interesse mercadológico que quer colocar as mãos nas riquezas do Brasil”, afirmou o vice-presidente nacional da CUT, Vagner Freitas.

 


Redação CNTTL

Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação &Marketing 

Editora e Assessora de Imprensa:Viviane Barbosa MTB - 28121 
E-mail: jornalismo@midiaconsulte.com.br



Siga a CNTTL nas redes sociais:
www.facebook.com/cnttloficial
www.twitter.com/cnttloficial
www.youtube.com/cnttl
 

Mídia

Filiados

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: