"Precisamos priorizar o transporte coletivo e ampliar a regularização dos automóveis privados", afirma diretor da CNTTL

A afirmação é do secretário de Organização da CNTTL, diretor da CUT-SP e do Sindicato dos Condutores de Guarulhos, Wagner Menezes, o Marrom.

Por: Redação CNTTL com Agência Brasil
Publicação: 22/09/2021
Imagem de

Secretário de Organização da CNTTL e de Relações do Trabalho da CUT-SP, Wagner Menezes- Marrom - foto: Marcelo Lima-DF

Em entrevista ao Portal da CUT-SP, o secretário de Organização da CNTTL (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística), Wagner Menezes, mais conhecido no movimento sindical como Marrom, falou sobre a importância em defender o transporte coletivo como prioridade no Dia Mundial Sem Carro, " World Car Free Day" celebrado nesta quarta-feira (22).

Marrom, que é secretário de Relações do Trabalho da CUT-SP e diretor do Sindicato dos Condutores de Guarulhos, disse que a  geografia da cidade de São Paulo é muito complexa e o transporte público deve ser priorizado como política em todo estado, levando a população até os rincões mais distantes.

"Leis orgânicas da capital permitiram frotas mais diversificadas e sustentáveis. Atualmente, laudos técnicos precisam ser apresentados pelas empresas que hoje utilizam mais combustíveis biodegradáveis. Isso tudo representa uma conquista, mas ainda há muito que avançar”, disse Marrom  à jornalista da CUT-SP, Vanessa Ramos.
 

Segundo o dirigente,  também são necessárias políticas públicas que priorizem a coletividade. Nas cidades, ele propõe aumento do número de corredores de ônibus para atender a população.

“Priorizar o transporte coletivo e ampliar a regularização dos automóveis privados são medidas urgentes. Inclusive pensando na saúde da população, já que inúmeras mortes são também resultado da terrível poluição gerada”, completa o diretor da CNTTL ao Portal da CUT-SP.

Origem

O Dia Mundial sem Carro é celebrado em 22 de setembro. A data foi criada na França em 1997, e passou a ser adotada em vários países do continente no ano 2000. O objetivo é estimular a reflexão a respeito do uso excessivo de automóveis e fazer as pessoas experimentarem meios de deslocamento alternativos, menos poluentes e mais sustentáveis.

No Brasil, o movimento chegou em 2001, envolvendo 11 cidades: Porto Alegre, Caxias do Sul e Pelotas (RS); Piracicaba (SP); Vitória (ES); Belém (PA); Cuiabá (MT), Goiânia (GO); Belo Horizonte (MG); Joinville (SC) e São Luís (MA). Na capital paulista, as atividades começaram em 2003.

 


Redação CNTTL

Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação &Marketing 

Editora e Assessora de Imprensa:Viviane Barbosa MTB - 28121 
E-mail: jornalismo@midiaconsulte.com.br



Siga a CNTTL nas redes sociais:
www.facebook.com/cnttloficial
www.twitter.com/cnttloficial
www.youtube.com/cnttl
 

Mídia

Filiados

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: