Natal: Onda de violência faz rodoviários paralisarem o transporte

Capital potiguar sofreu cerca de 54 ataques criminosos no fim de semana, incluindo queima de ônibus

Por: Redação CNTTL com agências
Publicação: 01/08/2016
Imagem de Natal: Onda de violência faz rodoviários paralisarem o transporte

ônibus queimado durante ataque - divulgação

Por conta da onda de violência que assola a Natal (RN), os rodoviários e empresários em transporte da capital potiguar decidiram paralisar as atividades desde sábado (30). Nesta segunda (1º),  os  ônibus voltaram a circular  com apenas 30% da frota.

“Queremos que pelo menos haja policiais nos terminais e também nos principais corredores de passagem. Caso não tenha isso, iremos recolher os veículos”, afirmou o presidente do  Sindicato dos Rodoviários do Rio Grande do Norte (Sinttro/RN),  Júnior Rodoviário.

Segundo o G1, até a noite de domingo, pelo menos 54 ataques criminosos foram registrados em 20 cidades do Rio Grande do Norte desde a tarde de sexta. Cerca de 52 pessoas foram presas suspeitas de envolvimento nos ataques. A instalação de bloqueadores de celular na Penitenciária Estadual de Parnamirim, na Grande Natal, é apontada pelo governo como motivo dos atentados.

O governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, anunciou  na noite de domingo que haverá escolta para os ônibus e pediu reforço das tropas do exército para segurança da população.

 

 

 

 

 

 

Transportando CNTTL-CUT
Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação

Editora:Viviane Barbosa MTB - 28121 
Redatora: Vanessa Barboza MTB-74572
Assessoria de Comunicação: Mídia Consulte 
Redação: Imprensa /CNTTL :: Transportando o Brasil 
Siga-nos: http://www.twitter.com/cnttcut
Flickr: http://www.flickr.com/photos/cnttcut/

Mídia

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email:

Filiados