CNTTL/CUT lamenta morte de caminhoneiro durante protesto

Cléber Adriano Machado Ouriques morreu em São Sepé, município da Região Central do Rio Grande do Sul, na manhã de sábado (28)


Publicação: 02/03/2015
Imagem de CNTTL/CUT lamenta morte de caminhoneiro durante protesto

Foto: Jornal a Palavra

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transporte e Logística da CUT  (CNTTL) lamenta profundamente a morte do caminhoneiro Cléber Adriano Machado Ouriques, de 38 anos, em São Sepé,  município da Região Central do Rio Grande do Sul, na manhã de sábado (28).

Ele participava de uma manifestação que fechava a rodovia e acabou atingido por um caminhão. O motorista fugiu sem prestar socorro à vítima. Cléber acabou morrendo no local do acidente.

A CNTTL se solidaria com a família do trabalhador e reforça a toda categoria para que suspenda imediatamente os protestos nas rodovias do País.

A Confederação não quer que os caminhoneiros coloquem suas vidas em risco, pois este é o maior bem de cada um. A pauta de reivindicações da categoria já garantiu avanços e não há a necessidade de bloquear estradas para que o governo nos ouça.

A CNTTL reforça que a união de toda a categoria trará mais avanços. 

Paulo João Estausia, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística da CUT (CNTTL)


Redação CNTTL

Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação &Marketing 

Editora e Assessora de Imprensa:Viviane Barbosa MTB - 28121 
E-mail: jornalismo@midiaconsulte.com.br



Siga a CNTTL nas redes sociais:
www.facebook.com/cnttloficial
www.twitter.com/cnttloficial
www.youtube.com/cnttl
 

Mídia

Filiados

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: