Dilma: "Nosso futuro está sendo alienado pelo governo golpista"

A presidenta eleita democraticamente criticou a venda da Embraer, anunciada por Temer

Por: Portal Vermelho
Publicação: 26/02/2018
Imagem de Dilma:

Roberto Stuckert

A presidenta eleita democraticamente, Dilma Rousseff, criticou nesta segunda-feira (26), em sua conta no Twitter, a venda da Embraer, anunciada pelo governo de Michel Temer. Para Dilma, a venda é "gravíssima para soberania e a independência do país". Segundo ela, “o Brasil está sendo vendido pedaço por pedaço pelo governo golpista”.

   Neste domingo (25), o colunista do jornal O Globo Lauro Jardim informou que a norte-americana Boeing fechou a compra do controle da Embraer e terá 51% da nova empresa. Segundo Jardim, Michel Temer exigiu que a Boieng “só” tivesse 51% – exatamente o controle de mais uma empresa brasileira desnacionalizada.

“Agora alienaram o controle da Embraer – 51% – para a Boeing. A desfaçatez do governo é absoluta quando diz "só 51%". Ora, com esse percentual estão transferindo o controle acionário para a Boeing. É gravíssimo para a soberania e a independência tecnológica do país. A Embraer detém a tecnologia de jatos comerciais de porte médio, de jatos de carga de grande porte e é a parceira estratégica da Aeronáutica na construção de caças com o Grippen”, pontuou Dilma na rede social.

Dilma afirmou ainda que o futuro do país “está sendo alienado pelo governo golpista”, quando empregos de alta qualidade “estão sendo transferidos para outros países”. 

“O desenvolvimento tecnológico do país está inteiramente comprometido nessa área. Todos os projetos recentes da Embraer com a Aeronáutica, por exemplo, o grande jato de carga, foram financiados com dinheiro do BNDES em contratos de longuíssimo prazo. É esse o presente que o governo golpista está dando para a Boeing", contestou.

   Neste domingo (25), o colunista do jornal O Globo Lauro Jardim informou que a norte-americana Boeing fechou a compra do controle da Embraer e terá 51% da nova empresa. Segundo Jardim, Michel Temer exigiu que a Boieng “só” tivesse 51% – exatamente o controle de mais uma empresa brasileira desnacionalizada.

“Agora alienaram o controle da Embraer – 51% – para a Boeing. A desfaçatez do governo é absoluta quando diz "só 51%". Ora, com esse percentual estão transferindo o controle acionário para a Boeing. É gravíssimo para a soberania e a independência tecnológica do país. A Embraer detém a tecnologia de jatos comerciais de porte médio, de jatos de carga de grande porte e é a parceira estratégica da Aeronáutica na construção de caças com o Grippen”, pontuou Dilma na rede social.

Dilma afirmou ainda que o futuro do país “está sendo alienado pelo governo golpista”, quando empregos de alta qualidade “estão sendo transferidos para outros países”. 

“O desenvolvimento tecnológico do país está inteiramente comprometido nessa área. Todos os projetos recentes da Embraer com a Aeronáutica, por exemplo, o grande jato de carga, foram financiados com dinheiro do BNDES em contratos de longuíssimo prazo. É esse o presente que o governo golpista está dando para a Boeing", contestou.

Transportando CNTTL-CUT
Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação

Editora:Viviane Barbosa MTB - 28121 
Redatora: Vanessa Barboza MTB-74572
Assessoria de Comunicação: Mídia Consulte 
Redação: Imprensa /CNTTL :: Transportando o Brasil 
Siga-nos: http://www.twitter.com/cnttcut
Flickr: http://www.flickr.com/photos/cnttcut/

Mídia

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: