SP: Contra privatização e terceirização, metroviários farão ato no dia 30 de agosto

A mobilização acontecerá às 16h, em frente ao edifício Cidade II, na região da Sé, com distribuição de Carta Aberta à População

Por: Redação CNTTL com metroviários de SP
Publicação: 10/08/2017
Imagem de SP: Contra privatização e terceirização, metroviários farão ato no dia 30 de agosto

Foto: Sindicato

Em assembleia realizada na terça (8), os metroviários de São Paulo aprovaram a continuidade da luta contra a terceirização das bilheterias e a privatização do metrô com várias atividades e as reformas do governo golpista de Temer.

Segundo o Sindicato dos Metroviários de São Paulo, no dia 30 de agosto, a categoria fará ato a partir das 16h, em frente ao edifício Cidade II, na região da Sé, com distribuição de Carta Aberta à População. O ato tem como repudiar a terceirização e privatização no metrô.

Além disso, os metroviários  aprovaram na assembleia a  suspensão do estado de greve,  mutirões  nas estações nos dias 15, 22, 23 e 24 de agosto, abaixo-assinado pela Internet e de forma convencional (no papel) contra a terceirização das bilheterias e privatização e plebiscito com a categoria e população sobre terceirização e privatização no metrô.

Moção Rafael Braga

Os trabalhadores também fizeram uma moção de Repúdio à Justiça do Rio de Janeiro pela condenação de Rafael Braga, preso durante protesto em julho de 2013.

Transportando CNTTL-CUT
Secretário Nacional de Comunicação: José Carlos da Fonseca - Gibran
Agência: Mídia Consulte Comunicação

Editora:Viviane Barbosa MTB - 28121 
Redatora: Vanessa Barboza MTB-74572
Assessoria de Comunicação: Mídia Consulte 
Redação: Imprensa /CNTTL :: Transportando o Brasil 
Siga-nos: http://www.twitter.com/cnttcut
Flickr: http://www.flickr.com/photos/cnttcut/

Mídia

Canal CNTTL

+ Vídeos

Cobertura Especial

Parceiros

Boletim Online

Nome:
Email: